CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

30 dicas para melhorar a recuperação do implante dentário após a cirurgia

Como é possível melhorar a cicatrização e recuperação de um implante dentário após um procedimento cirúrgico ou estético para evitar problemas e contra-tempos? Bom, vamos descobrir nesse artigo! Nós todos já sabemos que os implantes são o padrão premium para quem quer fazer a substituição de dentes.

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Um implante é uma raiz de titânio inserida no osso da mandíbula para imitar a função e aparência de um dente natural, e uma vez implantado o pino de titânio na gengiva, a cicatrização deverá ocorre nos próximos dois ou três meses seguintes, nesse tempo, o implante dentário irá se fundir ao osso (osseointegração).

Quando essa integração estiver completa, o cirurgião dentista colocará um outro pino (chamado pilar) no implante e, em seguida, uma bela coroa de porcelana no topo para se tornar seu novo dente (o implante é uma espécie de prótese dentária única, parcial ou completa).

30 dicas para melhorar a recuperação após colocar implante dentário

Recuperação após um implante dentário

Com um implante dentário, a numeração dos dentes e o sorriso pode ser restaurado por completo, também todas as funções que um dente natural poderia fazer, e ainda por cima, conseguir uma proteção extra contra cárie e manchas nos dentes.

A recuperação após um implante dentário depende praticamente de você mesmo, para facilitar sua recuperação, em primeiro lugar, a escolha do clínico dentista certo e a configuração do tratamento odontológico correto, é provavelmente a dica mais importante que vai permitir uma taxa de sucesso de 100%.

Dica: encontre clínicas e consultórios de dentistas e implantodontistas que possuam equipamentos modernos, que tenham um ambiente próprio para implantes, que sejam capacitados, qualificados e com boas indicações, claro!

Como é o início do processo de cicatrização do implante de dente?

No primeiro dia depois do implante dentário já começa a recuperação e processo de cicatrização. Como qualquer cirurgia, espere que o local ficará um pouco dolorido e poderá sentir um leve desconforto.

Você também pode esperar algum inchaço local, no entanto, a aplicação de gelo no lado do rosto em que a cirurgia foi realizada pode aliviar um pouco esse inchaço normal. Nos primeiros dias se for preciso, use um medicamento anti-inflamatório como o ibuprofeno (um anti-inflamatório não esteroidal).

Passado alguns dias do procedimento inicial, o normal é o implantado se sentir melhor a cada dia. No entanto, se por acoso sentir que a dor não está indo embora ou está ficando pior, é precisará entrar em através de uma consultas com o dentista para fazer um exame preventivo e acompanhamento para saber o que está causando a dor.

Normalmente, independente das circunstâncias do paciente e do tipo de complexidade envolvida no procedimento realizado para implantar um dente. A taxa de cicatrização e recuperação é de 100%, o que muda é o tempo para se recuperar de cada pessoa.

Bom, abaixo, listamos algumas dicas e ações simples mais eficazes para ter uma recuperação completa e rápida após a colocação de um implante dentário.

O que influência a recuperação de um implante dentário?

  1. A saúde física e geral do paciente, algumas doenças sistêmicas como a diabetes, condições médicas pré-existentes, etc.
  2. A condição geral da região oral, bucal e do maxilar (ou seja, pré-existência de doença periodontal).
  3. Tabagismo – o vício de fumar (leia: vape faz mal para boca, dentes e gengiva) deve ser totalmente interrompido durante a fase de recuperação.
  4. Consumo de bebidas alcóolicas – a ingestão de álcool deve ser evitada no mínimo duas semanas após o implante.
  5. A localização do dente implantado (anterior/posterior, superior/inferior.)
  6. A quantidade de pinos de implantes (único, dois, múltiplos).
  7. Ter que extrair de dentes existentes para prosseguir com o implante.
  8. Se o local cirúrgico precisa de enxerto ósseo (reforçar o osso) para que o implante seja ser colocado.
  9. A idade do paciente que receberá o implante dentário.
  10. O tipo de alimentação e uso de suplementos vitamínicos. (Após a cirurgia, o ideal é manter uma dieta leve por três a 14 dias.)

Quais vitaminas e suplementos usar após o implante dentário

Para que o osso maxilar cresça mais rapidamente possível e para melhorar a recuperação após o implante as seguintes vitaminas são recomendadas para ajudar nessa condição:

  • Cálcio – 400 mg por dia durante três meses para formação de novos ossos.
  • Cúrcuma – 1000 mg por dia durante duas semanas para prevenir inflamação, inchaço e desconforto após a cirurgia.
  • Vitamina D3 – 1000 UI por dia durante três meses para ajudar o corpo a absorver efetivamente o cálcio do intestino delgado.
  • Vitamina — K2 90 microgramas por dia durante três meses para incorporar o cálcio na matriz do osso da mandíbula.

O que evitar após uma cirurgia de implante de dente?

O que evitar depois de uma cirurgia de implante dentário para melhorar a recuperação? Para que os implantes dentários sejam tão fortes e duráveis ​​quanto um dente natural, os implantes de dentes precisam de tempo para se fundirem com o osso da mandíbula através de um processo chamado osteointegração ou osseointegração.

Essa é a razão pela qual a fase de recuperação após o implante é crucial. Quanto mais rápida a recuperação do implante, mais rápido será as próximas etapas para ter uma mordida perfeita e um sorriso mais bonito e sem falhas.

Para garantir a recuperação ideal após a implantação do dente (pino de titânio), você deve seguir algumas regras simples mais necessárias de seguir após o procedimento cirúrgico:

  1. Não praticar nenhuma atividade radical por duas semanas após a cirurgia.
  2. Evitar ficar levantando ou dobrando a cabeça para baixo.
  3. Ficar sem fumar absolutamente nada que contenha nicotina, alcatrão etc.
  4. Eliminar o consumo de bebida alcóolica por pelo menos 2 semanas.
  5. Diminuir ou evitar a cafeína o máximo possível.
  6. Não comer alimentos duros, crocantes ou mastigáveis, ex: chicletes, nozes ou sementes.
  7. Evite temperos que podem irritar ou inflamar o local da cirurgia.
  8. Não durma de barrica para baixo (dormir de bruços.) É melhor dormir de costas para a cama ou de lado – de preferência com a cabeça elevada.
  9. Não enxágue a boca constantemente por uma semana após a cirurgia.
  10. Evite usar enxaguante bucal com álcool na higiene bucal durante a recuperação.

Esses protocolos não são difíceis de seguir e evitará irritações, infecções e/ou danos ao local cirúrgico, a ideia é garantir um período de recuperação do implante saudável.

como melhorar a cicatrização e recuperação do implante dentário

Como ajudar na recuperação depois do implante dentário?

Se você pretende seguir algumas dicas práticas para ajudar o seu implante dentário se recuperar melhor, a lista abaixo poderá dar esse reforço:

  1. Descanse após a cirurgia: No primeiro dia ou dois depois o ato cirúrgico para implantar o dente, o paciente precisará priorizar o descanso físico e manter a cabeça sempre nivelado. Muitas pessoas que fazem inserções simples de implantes dentários retornam as atividades e trabalho no mesmo dia, embora dependa de como a pessoa determinará o que funcionará melhor para sua recuperação.
  2. Refrigere o local cirúrgico: Por um ou dois dias após a cirurgia para implantar o dente, você precisará refrescar o local afetado em intervalos regulares. Colocar gelo ou uma bolsa de gelo na área vai diminuir significativamente o inchaço e o desconforto pós-operatório, que normalmente é mínimo.
  3. Retorne à rotina de higiene bucal: Após o primeiro dia pós-operatório, reinicie o hábito da higiene bucal adequada. Escove os dentes com escova macia, passe fio dental normalmente, evite escovas elétricas e enxaguantes bucais com álcool.
  4. Enxágue a boca suavemente: No segundo dia após a cirurgia de implante, lave sempre que puder a boca com gluconato de clorexidina que é um antisséptico químico, com ação antifúngica e bactericida duas vezes ao dia. Você também pode usar água salgada no lugar do gluconato. Usar uma colher de sopa de sal por copo de água é o mais indicado.
  5. Tome qualquer medicação conforme recomendado: Enquanto você descansa e esfria com gelo o local da cirurgia, continue tomando seus medicamentos conforme prescrito pelo seu dentista. Antibióticos tem a capacidade de prevenir a proliferação de infecções pós-operatórias, tome por até sete dias. Medicamentos analgésicos também podem previnem a dor na mandíbula, inflamação e inchaço. A sugestão clínica é alternar entre uma combinação de paracetamol e ibuprofeno a cada seis horas por um dia ou mais no pós-operatório – pergunte ao seu cirurgião dentista.
  6. Coma alimentos macios: Ao se alimentar, você precisará comer de preferência alimentos leves e que não force ou agrida sua gengiva por pelo menos uma a duas semanas após a cirurgia do seu implante dentário. Alimentos leves podem incluir as frutas, vitaminas de frutas, aveia, cereais com leite, iogurte, ovos mexidos ou cozidos, purê de batatas, bolos, pudim e todas as sopas normas é mais seguro, caldos, canjica, canja de galinha etc. É importante que você não pule as refeições diárias durante a recuperação após o implante dentário, portanto, certifique-se de preparar uma dieta abundância com alimentos que não irão prejudicar o pós-operatório.
  7. Hidrate-se com abundância: Beba muita água, irá com certeza irá ajudar pacientes que fizeram implantes se sentir melhor e auxiliar na recuperação depois de implantar o dente.

Efeitos da cirurgia após um implante dentário?

O que acontece depois de uma cirurgia de implante dentário? Normalmente ocorre sangramento, inchaço na região afetada pela cirurgia e a necessidade da sutura, essas são condições normais após a cirurgia de implantes para colocação de dentes (prótese dentária para implante).

Abaixo estão algumas das principais recomendações clínicas para evitar sangramento e inchaço excessivos na mandíbula e bochechas.

  • O sangramento no implante dentário pós-cirúrgico é normal. Normalmente deve acontecer um sangramento durante 48 a 72 horas após o procedimento cirúrgico. Para impedir o sangramento, a recomendação é morder uma gaze limpa e estéril por mais ou menos 10 minutos. Use um saquinho de chá frio e úmido também é muito eficaz para parar o sangramento.
  • Dependendo do tipo de procedimento invasivo, um inchaço mediano também é esperado. Ao colocar apenas um implante único ou implante simples, quase não há problemas com sangramento. Dentistas e Ortodontistas recomendam que, ao voltar para casa após a cirurgia do implante do pino, esfrie a área periodicamente nos próximos dois dias seguintes. Use cubos de gelo picado em um saquitel ou compressa.
  • Em alguns casos a cirurgia vai demandar o procedimento de suturas (pontos na cirurgia), em geral, as suturas são feitas com linhas que se dissolvem naturalmente entre quatro a sete dias.

Como cuidar melhor dos implantes dentários?

Depois de tudo realizado, o período pós operatório concluído com êxito, o implante completo colocado, é hora manter sua saúde bucal, então, para reduzir qualquer chance de perda óssea da mandíbula e prevenir o crescimento de placas, bactérias e cárie, cuidar adequadamente de seus implantes dentários é vital.

A recomendação dos dentistas aos pacientes é:

  1. Siga uma rotina básica de higiene e saúde bucal: Continue escovando (leia: como escovar os dentes), com escova normal ou escova elétrica, use fio dental para retirar o restante da sujeira escondida e enxaguar os dentes e implantes dentários todos os dias como faria normalmente. Você também pode usar uma escova de dentes interdental para escovar melhor entre os dentes e os implantes. A escovação cuidadosa vai evitar o acúmulo de placas e bactérias nas gengivas, o que pode levar a outras complicações, como gengivite e periodontite.
  2. Consulte um dentista regularmente: Não no cansamos de falar, procure um dentista mais próximos para agendar limpezas dos dentes pelo menos duas vezes por ano. O dentistas e seu auxiliar de dentista são treinados para cuidar de implantes dentários e podem sanar quaisquer preocupações ou complicações antes que causem dor ou doença gengival. Avise seu dentista ao sentir dor ou outros problemas incomuns com seus implantes de dentes.
  3. Evite o fumo e tabaco: A recomendação mais recorrente é que pacientes de procedimentos de implantes de dentes se abstenham de fumar ou mascar qualquer produto que contenha tabaco (1), antes e após a colocação de um implante dentário. Existe uma correlação evidente entre o uso de tabaco e o insucesso de implantes dentários. (2)

Por que colocar implantes dentários?

Por que você precisaria colocar um implante único, parcial ou completo? Muito simples a resposta; os implantes dentários podem ser usados ​​para substituir com perfeição um único dente, vários dentes ou todos os dentes de uma vez.

O objetivo da substituição de dentes na odontologia é restaurar a função mastigatória e a especialmente a estética.

Quando falamos de substituição de dentes que faltam na boca, em geral, existem no mercado odontológico três opções principais:

  1. Aparelho dentário removível (prótese total ou prótese parcial).
  2. Ponte dentária fixa e;
  3. Implante dentário.

Como aparelho dentário removível, as dentaduras são a opção mais acessível para substituir a falta de dentes, mas são as menos desejáveis ​​devido à inconveniência de ter um aparelho removível encaixado na gengiva dentro da boca.

Além disso, as dentaduras podem afetar o paladar e a experiência sensorial com os alimentos. (leia: porque os implantes dentários são melhores que dentaduras)

A ponte dentária antigamente era a opção restauradora de dentes mais comum antes da mudança relativamente recente para o tratamento com os implantes de dentes.

A principal desvantagem da ponte é a dependência dos dentes naturais existentes para usar como suporte para prende-las. Os implantes são inseridos no osso da mandíbula e não afeta os dentes naturais ao redor.

Então, a sua decisão sobre qual opção ortodôntica escolher depende de muitos fatores, e quando se trata especificamente de implantes dentários, esses fatores podem incluir:

  • Localização dos dentes faltantes.
  • Quantidade e qualidade do osso maxilar onde o implante dentário será inserido.
  • A saúde física e bucal do paciente.
  • A preferência do paciente com relação ao tratamento.
  • O custo total para implantar todos os dentes.

Normalmente um cirurgião dentista ou ortodontista particular ou conveniado com operadoras de planos odontológicos examina a área a ser considerada para receber o implante dentário e faz uma avaliação clínica para saber se o paciente tem todos os requisitos necessários para ter o implante colocado.

Há inúmeras vantagens em escolher o implante dentário para realizar a substituição de dente ou dentes em relação as demais opções existentes.

Você já conheçe os melhores planos odontológicos do Brasil?

Confira alguns que recomendamos aqui no Mais Odonto:

Odontoprev

Golden Cross

Amil Dental

Porto Seguro Odonto

OdontoCompany

Santander Odonto

Hapvida +Odonto

Bradesco Dental

BB Dental

Unimed Odonto

MetLife Dental

SulAmerica Odonto

Os implantes dentários são melhores, pois, além dos dentes ausentes poderem ser substituídos sem afetar ou alterar os dentes ao redor, os dentes protéticos imutam perfeitamente um dente natural.

Não esquecendo de dizer que, os implantes dentários se integram 100% à estrutura óssea, os dentes implantados são muito estáveis ​​e as funções de mastigação não é comprometida, pelo contrário, a força da mandíbula é preservada.


Fontes científicas:

(1) – Carvalho JP, Rossi V. Influência do tabagismo em doenças Peri-implantares. Stomatos. 2017;23(44):42-7.

(2) – MIRANDA TAC, OLIVEIRA PC, EGAS LS, PONZONI D, NAVES RC. A influência do fumo na reabilitação com implantes osseointegrados: revisão de literatura. Rev. Odontol. Univ. Cid. São Paulo 2018 abr/jun 30(2) 169-76 – site.

Última atualização em 25/06/2022 por Alicia Reynolds , Verificado por Equipe +Odonto

Você Vai Gostar de saber..

O MaisOdonto utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Entendi Saiba tudo.